[Infográfico] B2B e B2C: estratégias e ideias de conteúdos

blocos-b2b-e-b2c

Você sabe qual a ligação de SEO, B2B e B2C? Se não sabe, vamos te contar:

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, ou otimização para motores de busca.

Quem trabalha com SEO cuida para que um site ou blog esteja pronto para aparecer nas primeiras posições sempre que alguém fizer uma pesquisa relacionada no Google ou em outros buscadores.

Para isso, o foco de toda a estratégia, seja para B2C (business-to-consumer) ou para B2B (business-to-business) é o uso de palavras-chave de interesse para o negócio.

Exemplo: no caso de empresas que vendem viagens, poderiam ser trabalhados em um site termos como “dicas essenciais para viajar em segurança” ou “viagem com desconto para Búzios RJ”.

Porém, esse é apenas o ponto de partida para um conjunto de atividades bastante amplo. Cada nicho de mercado pede uma abordagem em SEO específica. 

No texto de hoje, a gente vai te ajudar a entender melhor e a colocar em prática. Boa leitura!

Como fazer SEO para empresas B2C e B2B?

placas b2b e b2c
Como fazer SEO para empresas B2C e B2B?
Fonte Neil Patel

O termo B2B significa “Business to Business”, ou seja, empresas que vendem para outras empresas. B2C, por sua vez, é o negócio focado no consumidor final, portanto, “Business to Customer”.

No entanto, a definição em termos de SEO deve considerar outros elementos, além da destinação do produto ou serviço vendido.

Precisamos não só focar no modelo B2B ou B2C, mas no formato de conteúdo que funciona melhor para cada empresa. Por essa perspectiva, podemos começar uma estratégia de SEO tomando como referência o modelo de negócio da empresa.

Ideias de conteúdo SEO

Seja qual for o nicho, o conteúdo é e continua sendo o fator que faz a diferença para atrair leads e convertê-los em clientes.

Para cada perfil de negócio, há conteúdos que podem ou não serem explorados. Vamos conferir, então, quais são eles:

  • Reviews

Segundo um levantamento da Bright Local, 87% das pessoas procuram ler resumos sobre um produto ou serviço online antes de comprar. Esse é o conteúdo produzido, por excelência, pelo consumidor e, acredite, ele pode levar uma marca ao céu ou ao inferno com a mesma facilidade.

  • Galerias de imagens

Quem nunca se sentiu tentado a comprar um bolo ou uma peça de roupa só pelo seu aspecto? 

Sendo assim, se o seu negócio é focado no inventário de produtos,como vestuário e alimentação, não deixe de apresentá-los da melhor maneira possível em seu site.

Dê preferência a fotos reais, mas, em alguns casos, pode ser que fotos ou vídeos de bancos de imagens também sirvam para demonstrá-los de forma fidedigna. Só não use, em hipótese alguma, fotos de outros produtos ou maquiadas a ponto de esconder as suas reais características.

  • Guias de produtos

Há casos em que as pessoas buscam pela internet não só por um produto, mas saber como operá-lo ou colocá-lo em ação.

Publique guias e tutoriais ensinando como utilizar os itens vendidos.

Guias de produtos são também uma excelente maneira de você colocar em prática estratégias de cross sell (venda de produtos ou serviços relacionados e complementares) e upsell (incentivar os clientes a adquirir uma versão mais sofisticada ou avançada do produto).

  • Comparativos

Alguns tipos de mercadoria pedem (ou quase exigem) um comparativo com outros produtos similares antes da decisão de compra.

Se você trabalha com linhas de mercadorias de diferentes fabricantes, como no dropshipping, não deixe de incluir essa ferramenta em seu e-commerce.

  • Ideias de utilização

Para enriquecer ainda mais os conteúdos em seu site, você pode ir além e dar ideias de como usar ou combinar os produtos vendidos.

Portais com a temática de alimentação, por exemplo, fazem isso muito bem.

Em alguns deles, ao falar de regime, são sugeridas receitas de acordo com a indicação de dieta publicada.

Essa mesma lógica pode ser replicada para incontáveis modelos de negócio, sejam eles voltados ao segmento B2B, sejam para o B2C.

  • Blog posts

Os clientes precisam acessar blog posts como este que você está lendo agora mesmo para saber mais informações sobre o seu produto ou sobre os temas que a sua empresa tem autoridade para falar.

Faça artigos com atualizações e tendências. Em certos casos, o conteúdo precisa dialogar com as pessoas em tempo real.

Ainda que postagens evergreen sejam sempre recomendáveis, às vezes, é necessário fazer um recorte temporal mais específico.

Uma forma de se fazer isso é utilizar o Google Trends para saber o que está em alta no momento para aproveitar o embalo de uma moda ou de um acontecimento de grande alcance.

Estratégias de SEO válidas para B2B e B2C

Agora que você conhece os conteúdos que podem ser explorados, vamos falar das estratégias de SEO para o B2B e o B2C.

Otimize as páginas do seu site

Ao construir o seu site, nunca deixe de otimizá-lo, inserindo no título de cada uma das páginas a palavra-chave mais importante para o seu negócio.

Lembre-se do mobile

Os robôs do Google e de outros motores de busca denunciam e geram penalizações de forma implacável aos sites que não são responsivos.

Por isso, garanta que sua página esteja otimizada, oferecendo a melhor experiência de navegação para todo o tipo de tela, em especial dispositivos móveis.

Não se esqueça de que o conteúdo é rei

Procure publicar materiais ricos, sempre observando os formatos indicados para o seu modelo de negócio.

Escolha palavras-chave certeiras

A escolha das palavras-chave é o fator universal para a boa performance em uma estratégia de SEO, não importa o segmento.

Bônus: Infográfico “Diferenças entre e-commerce B2B e B2C”

Entenda as principais diferenças entre e-commerce B2B e B2C. Fonte: blog Flexy.

Conclusão

SEO B2B e B2C pode parecer complexo, mas, com o tempo, fica mais fácil entender o que funciona para um e para outro modelo de negócio.

Gostou deste conteúdo e quer saber mais? Aproveite para conhecer 10 blogs de marketing e aprimorar ainda mais os seus conhecimentos.

Assine nossa newsletter para receber mais conteúdos como este.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.